Conheça oito vantagens da telemedicina

Conheça oito vantagens da telemedicina

A telemedicina já existia em outros países há muito tempo. Em 2013, o número de pacientes que usavam a telemedicina era de 350 mil. Hoje, estima-se que já passou de 7 milhões de pessoas no mundo utilizando a tecnologia a favor da saúde. No Brasil, a telemedicina foi regulamentada este ano para facilitar o acesso à saúde de pessoas com suspeitas de Coronavírus e também para evitar que as pessoas saíssem de casa para realizar uma consulta médica.

 

Com a telemedicina, é possível realizar consultas por videochamada e laudar exames à distância. Ela também é útil para a troca de informações entre médicos e agiliza diagnósticos, uma vez que os exames podem ser encaminhados para especialistas localizados em qualquer lugar.

 

As vantagens da telemedicina são muitas, tanto para os profissionais da saúde quanto para os pacientes. Veja abaixo alguns pontos positivos da telemedicina:

  • Os atendimentos são realizados por videochamada. O paciente não precisa sair de casa, ou seja, não gasta com deslocamento e não se expõe ao coronavírus.
  • O médico vê o paciente e escuta seus sintomas. Se avaliar a necessidade de um exame, o médico o requisita por e-mail, assim, como envia da mesma forma uma receita médica, no caso de uso de medicação.
  • O pagamento da teleconsulta pode ser realizado com cartão de crédito.
  • Os laudos on-line são feitos rapidamente e enviados para o paciente. Este pode marcar uma teleconsulta com seu especialista. A partir do diagnóstico, o médico pode prescrever um tratamento eficaz. O tratamento depende do laudo médico, portanto, agiliza o início do tratamento.
  • O processo ajuda a otimizar o tempo, já que o médico consegue acessar o conteúdo dos exames de qualquer lugar. Com a versão na web, é possível ainda pesquisar e consultar informações com muito mais agilidade.
  • Uma das maiores vantagens da telemedicina e do laudo à distância é a segurança. Os arquivos gerados só podem ser acessados por pessoas autorizadas, mediante validação e identificação. Isso é feito por meio de um software ou site que possui login e senha em ambiente seguro, com certificação de segurança e criptografia de conteúdo.
  • 75% dos atendimentos e cuidados médicos de emergência podem ser realizados por vídeo ou telefone.
  • No Brasil, 76% da população não têm plano de saúde e, por isso, têm acesso limitado a médicos especialistas. A telemedicina é uma alternativa a essas pessoas que não tem condições financeiras de ir a um médico particular.

 

 

 

Adicionar Comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados*

dezenove + 8 =