Dia Nacional da Doação de Leite Humano

Dia Nacional da Doação de Leite Humano

Quem pode ser doadora de leite humano?

Algumas mulheres quando estão amamentando produzem um volume de leite além da necessidade do bebê, o que possibilita que sejam doadoras de um banco de leite humano. De acordo com a legislação RDC Nº 171, além de apresentar excesso de leite, a doadora deve ser saudável, não usar medicamentos que afetem a amamentação e se dispor a ordenhar e a doar o excedente a um banco de leite humano.

No entanto, não é necessário ter uma produção demasiada de leite para se tornar doadora e não existe quantidade mínima para a doação. É importante lembrar que um litro de leite materno doado pode alimentar até 10 recém-nascidos por dia. A depender do peso do prematuro, um (1) ml já é o suficiente para nutri-lo cada vez que for alimentado. Lembrando que não existe um mínimo de doação e a cada vez que o leite é retirado por meio de sucção do bebê ou métodos manuais, a mama é estimulada e passa a produzir mais leite, logo, quanto mais você doa, mais leite será produzido.

Como funciona exatamente a doação de leite humano?

A doação de leite humano passa pelo processo de coleta, processamento e distribuição do leite humano para bebês prematuros internados de baixo peso (menos de 2,5 kg) e com patologias, principalmente do trato gastrointestinal, e que não podem ser alimentados diretamente pelas próprias mães.

Todo o leite doado é analisado, pasteurizado e submetido a um rigoroso controle de qualidade antes de ser ofertado a uma criança, conforme rege a legislação que regulamenta o funcionamento dos bancos de leite humano no Brasil, a RDC Nº 171. Após análises das suas características, o leite é distribuído de acordo com as necessidades específicas de cada recém-nascido internado.

Como preparar a extração:

Atualmente, 30% do leite humano são perdidos no processo de doação, entre a coleta e o recebimento pelo recém-nascido, para evitar perdas é necessário seguir corretamente o passo a passo da doação, confira abaixo o que fazer:

1- Prepare o frasco

– Escolha um frasco de vidro com tampa plástica, como os de café solúvel ou maionese;
– Retire o rótulo e o papelão que fica sob a tampa e lave com água e sabão, enxaguando bem;
– Em seguida, coloque em uma panela o vidro e a tampa e cubra com água, deixando ferver por 15 minutos (conte o tempo a partir do início da fervura);
– Escorra a água da panela e coloque o frasco e a tampa para secar de boca para baixo em um pano limpo;
– Deixe escorrer a água do frasco e da tampa. Não enxugue;
– Você poderá usar quando estiver seco.

2- Prepare-se para retirar o leite materno 

O leite deve ser retirado depois que o bebê mamar ou quando as mamas estiverem muito cheias. Ao retirar o leite, é importante que você siga algumas recomendações que fazem parte da garantia de qualidade do leite humano distribuído aos bebês hospitalizados:
– Escolha um lugar limpo, tranquilo e longe de animais;

– Prenda e cubra os cabelos com uma touca ou lenço;

– Lave as mãos e antebraços com água e sabão e seque em uma toalha limpa.

3- Retire o leite materno (Ordenhe)

Massageie as mamas com as mãos espalmadas começando na aréola (parte escura da mama) e, de forma circular, abrangendo toda mama. O ideal que o leite seja retirado de forma manual

   massagem                                            ordenha

 

– Primeiro coloque os dedos polegar e indicador na borda da aréola (parte escura da mama);

– Firme os dedos e empurre para trás em direção ao corpo;

– Comprima suavemente um dedo contra o outro, repetindo esse movimento várias vezes até o leite começar a sair;

– Despreze as primeiras gotas e inicie a coleta no frasco.

4 – Utilizando Bombinha tira-leite manual ou elétrica

Embora não seja o ideal, essa coleta também é aceitável. Algumas mulheres preferem este meio pois ele pode ser mais prático do que retirar de forma manual, já que é um objeto que promove uma sucção maior do que os movimentos realizados com as mãos.

Como armazenar o leite materno para doação

O frasco com o leite retirado deve ser armazenado no congelador ou freezer. Na próxima vez que for retirar o leite, utilize outro recipiente esterilizado e, ao terminar, acrescente este leite no frasco que está no freezer ou congelador, mas não encha o frasco até a borda. Procure deixar um espaço de dois dedos abaixo da tampa. O leite pode ficar armazenado congelado por até 15 dias.

Como posso encontrar o banco de leite mais próximo?

Depois de seguir todos esses procedimentos, a mulher pode se dirigir ao hospital em que fez seu pré-natal e confirmar se o local realiza coleta de doações, além disso, é possível confirmar no site do Ministério da Saúde os endereços dos bancos que realizam a coleta.

Toda doação é bem-vinda e reforçamos que não há quantias mínimas ou máximas de doações ou de quantidade por doação.

Adicionar Comentário

O seu e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados*

quatro × três =